Uma nova linhagem mais transmissível da covid-19 foi descoberta em Pernambuco. É a JN.1 – uma subvariante da Ômicron que chegou ao estado.

Também chamada de Pirola, a subvariante foi identificada pela Fiocruz de Pernambuco. Para tanto, foi usado o sequenciamento genômico, com amostras de pacientes enviadas pelo Laboratório Central de Pernambuco, provenientes das cidades Jaboatão dos Guararapes, Olinda, Ouricuri, Paulista, Recife e Salgueiro.

De acordo com o pesquisador da Fiocruz Pernambuco, Gabriel Wallau, além de ser mais transmissível, a nova variante está associada ao aumento do número de casos que está sendo observado não só em Pernambuco, mas também no Ceará.

“Essa linhagem tem uma certa vantagem de transmissão. Isso quer dizer que ela é um pouco mais transmissível que as linhagens anteriores da Ômicron. Exatamente por isso que nós estamos detectando agora, na rede genômica Fiocruz, um aumento expressivo dessa linhagem e a substituição. As linhagens anteriores estão sumindo e essa está prevalecendo”, explica.

Ao todo, 46 amostras foram processadas para o sequenciamento. Dessas, foram obtidos 30 genomas com a linhagem e sublinhagens da Ômicron.

por Afogados online 

Share:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *